abr 15, 2017
543 Views
0 0

A fé gera esperança

Written by

Habacuque, o Profeta, no livro que leva o seu nome, inicia sua mensagem profética num diálogo com Deus em estilo forte e bastante questionador. Age de forma diferenciada dos demais Profetas que, primeiramente, lançam mensagem de advertência ou de condenação sobre o seu público, o povo. Habacuque, no entanto, faz de Deus o seu alvo inicial questionando-o sobre determinadas atitudes e certas permissões como a dos “caldeus (os babilônios), nação amarga e impetuosa que marcha sobre a largura da terra” e haveria de massacrar o povo de Israel. Em seu estilo questionador e contencioso, pergunta ainda: “Até quando?” (capítulo 1, verso 2). Sua colocação forte evidencia-se pelo uso do pronome interrogativo no começo da sua frase principal: “Por que razão me mostra a iniquidade, e (por que- hebraico “lamah”) me fazes ver a opressão? (capítulo 1, verso 3). Na verdade, praticamente todo ser humano, até mesmo os mais piedosos, tem os seus questionamentos com Deus nesta ou naquela área, em especial nas situações aflitivas e angustiantes. Os Profetas, de um modo geral, tiveram suas interrogações diante de muitas circunstâncias adversas. O Salmista Davi, de igual modo, tinha esses conflitos na sua alma. Vários salmos mostram esse quadro. Exemplos disso são os Salmos 77 e 88 e muitos versículos avulsos em todo o livro dos Salmos. A diferença, em relação ao Profeta Habacuque, é que a sua alma já se manifesta estourando, desde o início, nas suas mensagens. Não obstante toda essa reviravolta na mente e nos sentimentos de Habacuque, depois de tanta instabilidade emocional, ele atingiu alvos de fé, gerando esperança, quando disse: “Mas o justo pela sua fé viverá” (Habacuque 2:4b). Ele não podia viver, portanto, apoiado nas situações ou circunstâncias da vida, favoráveis ou desfavoráveis, ou no mundo das instabilidades existenciais, pois o homem ou a mulher de Deus, ambos devem viver pela fé. De certo modo, a julgar pelo capítulo 3, verso 2 do seu livro, ele mesmo disse: “Ouvi, Senhor, a tua palavra e temi”. Ouvir e acolher a Palavra de Deus (Tiago 1:21) fortalece a fé, a fé que gera esperança-, “e a esperança não traz confusão” (Romanos 5:5; Jó 14:7-9; Filipenses 1:20, II Timóteo 1:12b, Jó 19:25). Ele foi deslocado do seu diálogo questionador para um contexto de fé e confiança nas promessas de Deus; e isso ficou muito claro no capítulo 3, dos versos 17 a 19: Promessas da Palavra de Deus em Habacuque 1 – Porquanto, ainda que a figueira não floresça, 2 – nem haja fruto na vide; 3 – o produto da oliveira minta, 4 – e os campos não produzam mantimentos; 5 – as ovelhas da malhada sejam arrebatadas 6 – e nos currais não haja vacas; 7 – Todavia eu me alegrarei no Senhor, 8 – exultarei no Deus da minha salvação. 9 – Jeová, o Senhor, é a minha força. 10 – Ele me faz andar nas alturas!

Article Categories:
Cotidiano

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.