Maio 23, 2020
48 visualizado
0 0

Isolamento: sobre o amor e a vida

Publicado por:

Apesar de estarmos isolados, o nosso pensamento não para de funcionar. E o meume fez lembrar deum tema que atrai a todos:amor. Mesmo quem nunca amou, se é que existe alguém tão insensível assim, se acha capacitado a falar do amor.
Como cada qual pode ter paixão, emoção, compaixão e sentimentos de todos os tipos, cada um pensa saber o que o amor é. Mas é um saber de cada um. Assim, para a grande maioria, o amor é algo subjetivo, pessoal. E, é!
Por ser um saber pessoal e ser só possível ser sentido, não sendo possível ser visto, os conceitos são variados. Excluindo as crianças, quase não se ouve alguém dizer, “Não sei o que é o amor.” Aquele que diz saber que, o amor é aquele sentimento gostoso, que chega e se instala no nosso coração, porque nos sentimos atraído por uma pessoa, pode estar equivocado. Esse sentimento, que chega abruptamente, que nos toca e até nos faz perder o juízo, é paixão. O amor, não a paixão, pois esta tem curta duração, quando se dá por desejo de conquistar uma pessoa, movido por interesse carnal, é amor romântico. Se o sentimento é verdadeiro, a união por amor, pode ser duradora. Mais do que por paixão. Amor nos remete ao verbo “amar”. E, percebe-se claramente, que amar se dá por desejo. Pode ser ardência, que não passa de uma paixão por alguém. Pode ser por sexo, unir-se ao oposto, para ser possível a procriação.
Mas amar, é bem amplo, isto é, não se limita só às pessoas. É possível amar coisas. Voltemos ao amor. Imaginemos que ensinar o amor seja possível. Entendamos que amor tem a ver com valor. Assim, amar tem a ver com valorizar. E como ensinar o amor é Deve-se ensinar que amor ê um valor. Assim, amar é valorizar.
Entre a segunda infância e a pré adolescência, a todos deve ser ensinado a amar. Aprendendo a amar, consequentemente, aprende-sea sentir o amor. E ama-se a pessoa ou aquilo que é desejado. De modo que, amor é desejo de ter e ter sempre a pessoa e a coisa amada.
Reforçando: amar é valorizar. Por que é valorizar? Porque o próprio amor é um valor. E valor é aquilo que é digno de se ter? E o que todos desejamos ter? Ora, a vida. E todos amam tere manter a vida. Por fim, devemos nos ater que amor é desejo de ter algo prazeroso, que nos dá prazer. Assim, é desejar o maior bem, que é a vida. E quem tem amor pela própria vida, valoriza a dos próximos. Nunca deseja fazer mal a sua vida e nem à dos outros.

Categoria do Artigo:
Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.