mar 10, 2018
631 Views
0 0

Prefeito Orlando Morando lança programa para proteger gestantes contra o Aedes Aegypti

Written by

A solenidade de lançamento do programa “São Bernardo Contra a Dengue – Cuidado especial com as Gestantes”

Com o olhar específico para proteger as gestantes e seus futuros bebês, o prefeito Orlando Morando, lançou, no último dia 7, o programa “São Bernardo Contra a Dengue – Cuidado especial com as Gestantes”. O chefe do executivo fez o anúncio ao lado do secretário de Saúde, Dr. Reple, no anfiteatro do Hospital Municipal Universitário (HMU). Uma operação foi montada pela Secretaria de Saúde para atuar de maneira preventiva a saúde das futuras mamães contra o mosquito Aedes Aegypti. A partir de agora, essas mulheres devem notificar a gestação logo nos primeiros meses, nas UBS´s. Elas receberão uma visita dos Agentes de Controle de Endemias, que realizarão uma vistoria em sua casa e no bairro em que mora para localizar e eliminar os focos do mosquito. Orlando Morando, explicou que esse é um projeto inovador e focado na qualidade de vida da gestante e de seus bebês. “Montamos um protocolo eficiente, faremos um bloqueio de um raio de 500 metros da casa e do trabalho dessas mulheres. Nosso principal objetivo é impedir que essas futuras mamães tenham qualquer contato com o Zika vírus”, disse Morando. O anúncio ocorreu em meio a uma série de ações que a Prefeitura irá fazer diretamente as mulheres no decorrer deste mês de março em que se celebra o Dia Internacional da Mulher. “Estamos constantemente criando programas de prevenção para várias doenças. Essa semana, todas as 34 UBS´s estão abertas para realizar exames preventivos em todas as mulheres, sem necessidade de agendamento prévio. Essa gestão está devolvendo o respeito e a qualidade de vida para os moradores da cidade. Investimentos como esse mostram que melhorar a saúde pública é a nossa principal prioridade”, acrescentou o prefeito. O secretário, Dr. Geraldo Reple, salientou que todos os profissionais do setor estão envolvidos no novo projeto. “Realizamos um treinamento para exemplificar o projeto a todos. Vamos misturar os agentes comunitários com os agentes de controle de endemias, eles irão trabalhar em parceria para atender as 3 mil gestantes que realizam o pré-natal no município. Estamos evitando que as pessoas fiquem doentes e essa é a melhor forma de prevenção” explicou Reple. Moradora do bairro Jardim Silvina e grávida de 6 meses, Shirley Francine da Silva, comemorou a iniciativa da prefeitura.

Article Categories:
Destaque

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.