mar 23, 2019
781 visualizado
0 0

Prefeitura de São Caetano apresenta ProAuto e GM anuncia novos investimentos e empregos

Publicado por:

A terça-feira (19/3) foi marcada por dois anúncios importantes para a indústria de automóveis e seus trabalhadores. A Prefeitura de São Caetano do Sul apresentou na Câmara Municipal o projeto de lei que cria o ProAuto (Programa de Incentivo à Indústria Automobilística), com benefícios fiscais e tarifários. Em São Paulo, o Governo do Estado também anunciou um programa de incentivo ao setor, que dá descontos de até 25% no ICMS para empresas que apresentarem planos de investir pelo menos R$ 1 bilhão no Estado e gerar no mínimo 400 empregos. Assim, a General Motors garantiu a permanência no país com um plano de investimento de R$ 10 bilhões, até 2024, nas fábricas de São Caetano do Sul e São José dos Campos. “Com esse esforço coletivo, incluindo sindicatos, fornecedores e revendedores, conseguimos a permanência da GM por pelo menos mais uma década. Foram dias angustiantes, mas o resultado é vital para nossa cidade”, afirma o prefeito José Auricchio Júnior.

O ProAuto de São Caetano prevê isenção total de IPTU e redução da alíquota de ISSQN de 5% para 2%, por um período de oito anos, para indústrias do setor. Além disso, por meio do Saesa (Sistema de Água, Esgoto e Saneamento Ambiental), será concedida tarifa de água diferenciada e descontos na tarifa de esgoto. No total a Prefeitura arcará com uma renúncia de cerca de R$ 100 milhões no período, com expectativa de obter como retorno R$ 1,1 bilhão no incremento do IPM (Índice de Participação dos Municípios), contrapartida fixada para concessão dos benefícios, que acaba por compensar os valores renunciados. “Fizemos um rigoroso estudo para avaliar o impacto dos incentivos diante de todo o benefício que eles trarão para a cidade e, principalmente, a manutenção de empregos”, diz o prefeito Auricchio.

O vice-presidente da GM Mercosul, Marcos Munhoz, falou com emoção sobre a permanência da montadora na cidade: “Sou sul-são-caetanense e foram 94 dias de muita preocupação, desde que saímos de Detroit com a triste decisão. Mas enfrentamos o desafio. Hoje (ontem), com esse anúncio, é um dia emocionante”. No Palácio dos Bandeirantes, o governador João Doria exaltou a manutenção de 15.000 empregos diretos da GM (sendo 8.000 em São Caetano) e os mais de 50.000 indiretos. “São Paulo vai sempre defender e trabalhar para gerar empregos”, disse.

Categoria do Artigo:
Geral · São Caetano Do sul

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.