fev 24, 2017
968 visualizado
0 0

São Caetano do Sul fiscaliza crime ambiental no caso da coleta seletiva

Publicado por:

Sesurb, Semob e Seseg passaram a intensificar a fiscalização

A coleta seletiva em São Caetano do Sul vem sofrendo com a invasão de catadores clandestinos de outras cidades. Eles recolhem os sacos amarelos com materiais recicláveis deixados pelos moradores, retiram os itens de maior valor e dispensam o restante em praças e áreas públicas da cidade. Esse despejo irregular caracteriza-se como crime ambiental. Em ação conjunta, a Sesurb (Secretaria de Serviços Urbanos), Semob (Secretaria de Mobilidade Urbana) e Seseg (Secretaria de Segurança) passaram neste mês a intensificar a fiscalização desses casos. Carros e equipamentos já foram apreendidos. “São Caetano do Sul não está acostumada com desorganização e bagunça. Essas pessoas estão cometendo crime ambiental, além de prejudicarem as famílias que trabalham na cooperativa credenciada pela Prefeitura e dependem da renda proveniente da venda desses recicláveis”, afirma o secretário Iliomar Darronqui, da Sesurb.

Categoria do Artigo:
Cotidiano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.