jan 9, 2021
134 visualizado
0 0

Manter São Caetano como exemplo

Publicado por:

O ex-biprefeito de São Caetano, Anacleto Campanella

Conclusão de obras importantes, volta às aulas, retomada econômica, fortalecimento do arco de proteção social e, especialmente, a tão esperada vacina contra o coronavírus. Esses são alguns dos desafios dos governantes brasileiros neste início de 2021 e que tenho a absoluta certeza, iremos superar em São Caetano. Nos últimos anos nossa cidade voltou a imprimir um forte ritmo de gestão, liderado pelo prefeito reeleito José Auricchio Júnior. São inúmeras conquistas. A retomada do equilíbrio financeiro resultou em novos hospitais, escolas, ampliação do Profamília, investimento pesado em segurança e em muitas outras ações que melhoraram a vida da população. Veio a pandemia e mesmo diante da maior crise sanitária do mundo moderno, São Caetano deu exemplo com programas referenciais, como a testagem em massa, nova estrutura de atendimento ambulatorial e hospitalar, e a participação nos testes da CoronaVac. Uma circunstância jurídica acabou me dando a oportunidade de conduzir São Caetano pelos próximos meses. De ser o prefeito em exercício da cidade onde eu nasci e amo, assim como o meu pai, o saudoso Anacleto Campanella. Assumo este compromisso com muita serenidade, com espírito coletivo e sem nenhum viés personalista. Porque é justamente a manutenção dessa estrutura de governo, montada por Auricchio, que fará São Caetano seguir como referência nacional em políticas públicas. Os desafios, como sabemos, são enormes. E, para vencê-los, a palavra-chave é união. De toda a cidade, inclusive da classe política, entendendo o momento excepcional que atravessamos. De antemão, assumo o compromisso de avançar nas estratégias federal e estadual de vacinação contra a covid-19: vamos imunizar todos os moradores de São Caetano tão logo as vacinas chanceladas pela Anvisa estejam disponíveis para compra. E conduziremos a volta às aulas presenciais neste semestre assegurando que esse processo não resulte em nenhum tipo de angústia ou trauma nos pais, alunos, professores ou qualquer integrante da comunidade escolar. Espero que este meu período como prefeito em exercício seja breve e que o prefeito Auricchio logo tome posse do seu quarto mandato, seguindo o desejo soberano da população. Até lá, vamos manter o papel protagonista de São Caetano. A eleição ficou em 2020. Vamos acalmar a cidade e retomar a normalidade administrativa. Com união e serenidade, daremos o melhor para São Caetano e para a nossa gente.
Tite Campanella é prefeito em exercício em São Caetano do Sul

Article Tags:
Categoria do Artigo:
Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.