out 12, 2019
520 visualizado
0 0

Prefeito de SBC Orlando Morando arrecada R$ 2,1 milhões com leilão de veículos em desuso

Publicado por:

Em linha com a política de redução de gastos e austeridade fiscal adotada pela atual gestão, chefiada pelo prefeito Orlando Morando, a Prefeitura Municipal de São Bernardo do Campo reverteu, neste mês, um total de R$ 2,1 milhões aos cofres da cidade com a venda de 132 itens da frota municipal em desuso durante realização de leilão eletrônico, encerrado na última semana.
O montante arrecadado superou em quase 110% a meta inicial prevista pela Prefeitura de obter valor de R$ 1 milhão com o pregão. Com o fim do processo, a Administração fará já nos próximos meses a aplicação dos recursos obtidos com o leilão em projetos nas áreas de Saúde e Educação.
Promovido pela Sumaré Leilões, o leilão promoveu a venda de 129 veículos (leves e pesado), de modelos cujos anos variam de 1984 a 2013, todos com direito a documento de transferência do Detran-SP. Na oportunidade, foram arrematados ainda 1 lote de veículo sucata, 1 lote de pneus sucata e 1 lote de tambores com óleo queimado.
Entre os itens vendidos, destaque para o veículo modelo Toyota Bandeirante, ano 1998, que foi adquirido com a melhor proposta do leilão eletrônico, no valor total de R$ 43.400 mil.
Iniciativa inédita adotada pela Administração municipal, o leilão promoveu a venda de lotes que estavam em desuso desde que a atual gestão, chefiada pelo prefeito Orlando Morando, passou a adotar o transporte por aplicativo aos servidores.
Dos 139 itens disponibilizados para lances, apenas sete não receberam propostas, ficando disponíveis para futuros pregões.
“Trocar a frota própria pelo uso de aplicativos já é uma realidade na iniciativa privada e nossa gestão inovou ao trazer isso para o Poder Público. Isso é gestão. Em um ano, conseguimos atingir economia significada aos cofres públicos. E agora com o leilão dessa frota em desuso a Prefeitura conseguirá ainda investir em áreas importantes como Saúde e Educação, beneficiando toda a população”, explicou o prefeito de São Bernado, Orlando Morando.
Economia – Oficializada em julho de 2018, a troca da frota de carros oficiais pelo uso de aplicativo de transportes (99 Táxi) gerou a Prefeitura de São Bernardo, nos últimos 12 meses, economia de R$ 3,5 milhões aos cofres municipais. Além de diminuir o tempo de deslocamento de servidores, a medida também tem ajudado a Administração custos operacionais.
Leilão – No ano de 2018, a Prefeitura Municipal de São Bernardo do Campo já havia arrecadado ainda outro R$ 1,14 milhão com a realização do primeiro leilão para venda de parte da frota em desuso.
Na oportunidade, a Prefeitura de São Bernardo do Campo vendeu cerca de 177 itens, entre carros, caminhões, camionetes, máquinas e embarcações.

Categoria do Artigo:
Geral · São Bernardo do Campo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.