abr 10, 2021
128 visualizado
0 0

Secretária do Fundo Social de S. Bernardo Célia Pames firma parceria com Governo do Estado de S. Paulo para impulsionar arrecadação de alimentos

Publicado por:

A campanha de arrecadação de alimentos realizada pela Prefeitura de São Bernardo, por meio do Fundo de Social de Solidariedade (FSS), acaba de se integrar ao projeto “Vacina Contra a Fome”, do Governo do Estado. A parceria foi oficializada na última segunda-feira (5/04), com a presença da secretária de Estado de Desenvolvimento Social, Célia Parnes, da primeira-dama e deputada estadual, Carla Morando, e do secretário de Assistência Social do município, André Sicco.
A ação convida as pessoas aptas a se vacinar contra a Covid-19 a doar um quilo de alimento não perecível. Desde 20 de março, São Bernardo já contava com uma campanha de arrecadação nos cinco postos de vacinação. Liderada pelo FSS e pela Secretaria de Assistência Social (SAS), a campanha contabiliza até o momento 5 toneladas de alimentos. Foram distribuídos 300 kits de alimentação para famílias referenciadas no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e para as entidades do terceiro setor da cidade, que estão fazendo as entregas em seus territórios para famílias em alta vulnerabilidade social.
A deputada estadual Carla Morando, que já foi presidente do Fundo Social de Solidariedade de São Bernardo, enfatizou a importância da ação. “Estamos unindo forças para levar alimentos para quem mais precisa. O Fundo Social de Solidariedade ganhou um importante reforço do Governo do Estado nessa ação que, com certeza, irá beneficiar inúmeras famílias de nossa cidade”, disse.
“Em um momento tão crítico da pandemia, queremos incentivar a sociedade a contribuir com nossas ações de combate à fome, garantindo a segurança alimentar das muitas famílias em situação de vulnerabilidade”, afirmou a secretária de Estado de Desenvolvimento Social, Célia Parnes. São Bernardo é uma das cerca de 400 prefeituras que já aderiram à campanha, que contribui com o reforço na divulgação. Em São Bernardo, a arrecadação de alimentos funciona nos cinco postos avançados de vacinação contra a Covid-19 espalhados pela cidade como forma de evitar aglomerações. São eles: Drive-thru no Paço Municipal (Praça Samuel Sabatini, 50, Centro), Ginásio Poliesportivo Adib Moysés Dib (Avenida Kennedy, 1.115, Parque Anchieta), Igreja São João Batista (Praça São João Batista, 1, Rudge Ramos), Ginásio Poliesportivo do Jardim das Orquídeas (Estrada do Poney Club, 90, Alvarenga) e Ginásio Poliesportivo do Riacho Grande (Rua Marcílo Conrado, 210, Riacho Grande). O horário de funcionamento é das 8h às 17h, nos dias em que houver a imunização.
Central de doações – Desde o início da pandemia de coronavírus, em março de 2020, o Fundo Social de Solidariedade tem se mobilizado para arrecadar alimentos para quem mais precisa. Em 12 meses, cerca de 60 mil atendimentos foram feitos, com a arrecadação de 860 toneladas. Além dos alimentos, a Central de Doação recebeu 12 mil litros de álcool, 200 mil máscaras de proteção individual, por meio do projeto São Bernardo de Máscaras pela Vida, e 43 mil produtos de limpeza e higiene pessoal.
Todos foram recebidos por meio de doação feita pela iniciativa privada e sociedade civil, sem o uso de recursos públicos. Entre os públicos atendidos pela Central de Doações do Fundo Social estão transportadores escolares e monitores, arte educadores da Cultura, monitores do Craques do Futuro, bolsistas da educação especial, árbitros e assistentes da Liga de Futebol amador, taxistas, ambulantes e permissionários. Empresários e pessoas jurídicas que desejam contribuir com a Central de Doações, podem entrar em contato pelo telefone (11) 2630-4112 ou pelo e-mail: fundo.social@saobernardo.sp.gov.br.

Categoria do Artigo:
São Bernardo do Campo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.