ago 5, 2017
1115 visualizado
0 0

Caio Funaki marca presença na inauguração do curso de Libras

Publicado por:

O vereador Caio Funaki (PEN)

O Curso de Libras (Língua Brasileira de Sinais) voltou a funcionar e está em plena atividade em São Caetano do Sul. A cerimônia de abertura do curso ocorreu, no último dia 1º, no Cecap (Centro de Capacitação dos Profissionais da Educação Dra. Zilda Arns (R. Tapajós, 300), ocasião em que os participantes receberam o material didático para o desenvolvimento das aulas. Presente ao ato, o vereador Caio Funaki, que também é membro do Conselho da Pessoa Deficiente ou Mobilidade Reduzida (Sedef), foi convidado a fazer um pronunciamento como representante da Câmara Municipal. “Parabéns a todos os participantes por utilizarem essa ferramenta de se comunicar com as mãos para incluírem no mundo da comunicação esses nossos irmãos desprovidos da fala e da audição”, disse Caio, citando a iniciativa da Prefeitura e saudando o empenho do secretário da Sedef, Cristiano Gomes. O objetivo do Curso Libras é capacitar os participantes para a comunicação em Libras, que é uma forma de linguagem natural criada para promover a inclusão social dos deficientes auditivos. Apresenta uma estrutura gramatical como outra qualquer, que utiliza os gestos em vez dos sonos. Com 12 turmas matriculadas, com aproximadamente 20 alunos cada uma, o curso oferece os níveis básico, intermediário e avançado e é composto por cinco módulos, com duração de 40 horas cada um. Dedicação especial é direcionada ao nível Básico I, com aulas todos os dias nos períodos da tarde e da noite em três locais: No Atende Fácil (Rua Major Carlo Del Prete, 651, Centro), às segundas e quartas-feiras à tarde; na Escola Senador Flaquer (Rua Heloisa Pamplona, 180, Bairro Fundação), às segundas e quintas-feiras à noite; e na Escola 28 de Julho (Rua Oriente, 501, no Bairro Barcelona), às terças, quartas e sextas-feiras à noite.

Categoria do Artigo:
Cotidiano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.