banner
out 21, 2022
542 Visualizações
0 0

Autonomistas chegam ao poder em São Caetano do Sul

Escrito por
banner

O município de São Caetano do Sul foi instalado no dia 1º de janeiro de 1949, em solenidade presidida por Carlos Pezzolo, funcionário da Prefeitura de Santo André, que representou o prefeito Antonio Flaquer, que se mostrava assim, ainda contrário a autonomia.

A primeira campanha eleitoral para a prefeitura teve dois candidatos. Do lado dos autonomistas Angelo Raphael Pellegrino, que concorreu pela coligação de seis partidos e José Luiz Flaquer Neto, pelo PTB, sobrinho do prefeito de Santo André na época. Na eleição de 13 de março de 1949, os eleitores de São Caetano do Sul deram a vitória para Pellegrino, por 4.094 votos contra 1.017 dados ao adversário Flaquer Neto.

Diversos autonomistas foram eleitos vereadores, entre eles uma mulher, Olga Montanari de Melo, o futuro prefeito, Oswaldo Massei e o vice-prefeito, Jacob João Lorenzini. O autonomista Antonio Dardis Neto foi o vereador mais votado naquele ano com 299 votos. O prefeito Pellegrino e os 21 primeiros vereadores do novo município de São Caetano tomaram posse em 3 de abril de 1949.

O apêndice ‘do Sul’ acrescentado ao nome São Caetano foi para diferenciar de um município com o mesmo nome que já existia no Estado de Pernambuco. Foram apresentadas duas propostas de novo nome aos membros da Sociedade Amigos de São Caetano. Ganhou do Sul e perdeu a outra sugestão ‘Paulista’.

* Pesquisa e texto: Humberto Domingos Pastore

Categorias de artigos:
Geral
banner

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

The maximum upload file size: 20 MB. You can upload: image, audio, video, document, text, other. Links to YouTube, Facebook, Twitter and other services inserted in the comment text will be automatically embedded. Drop file here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Bem vindo a Tribuna do ABCD

Tribuna do ABCD