fev 24, 2017
1674 visualizado
0 0

Sberoc homenageia secretário de Esportes Beto Vidoski

Publicado por:

No último dia 21, nas dependências da Sberoc, estavam todos os convidados presentes para prestigiarem a abertura dos 24 anos de Sberoc e Braceli. Desta vez o homenageado da noite foi o vice-prefeito e secretário de Esporte e Turismo de São Caetano do Sul, Beto Vidoski, pelos relevantes serviços prestados ao esporte. O senhor Serafim Sanches Monteoliva teceu comentários em torno deste acontecimento esportivo, que cuja finalidade é reunir a velha guarda e contemplar os batalhadores pelo esporte, e desta feita, nada mais justo homenagear Beto Vidoski. Ao fazer uso da palavra, Beto Vidoski enalteceu as equipes que disputam este evento, traduzindo o quanto é ótimo ver tantos veteranos reunidos no clube e a importância de estarem juntos. Vidoski disse ainda que na gestão de vereador, coube a ele a indicação de título de Cidadão Sulsancaetanense a Serafim Sanches Monteoliva, por muitos serviços prestados a cidade. O senhor Ademir Pardo, presidente da Sociedade Beneficência Portuguesa de São Caetano do Sul, falou da importância de reunir os amigos, que na oportunidade, homenagearam o falecido senhor Oropheu Della Colleta, pelos relevantes serviços prestados ao Hospital Beneficência Portuguesa de São Caetano do Sul e ao município. A bola rolou e na preliminar, Sberoc e Braceli encantaram o público presente. A vitória sorriu para a equipe da Sberoc pela contagem mínima. O tento Sberoquense foi de Edinaldo. A Sberoc jogou com Luiz, Edinaldo, Domingos, Kitchu e Andres. A equipe da Braceli alinhou com Toco, Claudinho, Balila, Burro e Espiga; entrando Keko e Gersinho. Convém ressaltar que os atletas Espiga, Burro, Claudinho e Balila, jogam juntos há mais de 50 anos; que oportunidade linda de vê-los jogar. No jogo de fundo a Sberoc jogou com a Beneficência Portuguesa, cujo resultado foi 3 a 1 para Sberoc, que alinhou com Luiz, Nilton, Doutor, Diógenes e Edwar; entrando ainda Domingos. Os gols foram de Domingos, Nilton e Doutor. A Beneficência jogou com Toco, Gersinho, Afonso, João e Ademir; ficando na “regra 3” o craque Cidão. O tento solitário foi de Afonso.

Categoria do Artigo:
Cotidiano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.